Trilha Inca Machu Picchu

A Trilha Inca para Machu Picchu é considerada a melhor rota de caminhada do Peru e uma das melhores do mundo. Em 4 dias de caminhada e 3 noites de acampamento, percorra 39 quilômetros de trilhas que os Incas construíram há centenas de anos. O objetivo é o Intipunku, porta de entrada para Machu Picchu usada pelos Incas e que só os turistas que fazem a Trilha Inca podem ver. Em ‘Icaminoinca’ pode encontrar todos os conselhos de que necessita nesta rota.

O qhapac ñan, a imensa rede de estradas incas

Você sabia que os Incas construíram uma imensa rede de estradas incas que se estendia por mais de 30 mil quilômetros e que abrangia partes dos atuais países do Peru, Bolívia, Equador, Colômbia, Chile e Argentina? Essas estradas foram chamadas de qhapac ñan ou estrada real dos Incas. Uma pequena parte dessas estradas é a que liga Cusco a Machu Picchu. Hoje, as autoridades oferecem aos turistas esta rota que, para muitos, é a maneira mais espetacular de chegar a Machu Picchu, a maravilha do mundo.

Como fazer a Trilha Inca para Machu Picchu?

A disponibilidade

A Trilha Inca é uma rota controlada pelo Estado Peruano.

São permitidas apenas 500 vagas disponíveis por dia, das quais 200 correspondem a turistas e o restante à equipe de apoio: guias, cozinheiros, carregadores e muito mais.

Por isso, recomenda-se comprar o passeio entre 6 ou 7 meses antes.

O tour / preços

Por se tratar de um roteiro protegido pelo Estado peruano, só pode ser feito por meio de uma agência de turismo.

Os passeios incluem tudo que você precisa: transporte, guia, cozinheiros, carregadores, entrada em Machu Picchu e muito mais.

Conheça os preços do passeio à Trilha Inca 4 dias, que variam de acordo com a agência de turismo que você escolher.

Melhor hora para ir

A Trilha Inca está aberta o ano todo, exceto em fevereiro, que é o mês mais chuvoso.

Segundo especialistas, os meses de abril a setembro são os melhores, pois é quando chove menos no ano.

O clima na Trilha Inca varia de acordo com a época do ano. Pode atingir no máximo 21ºC. e um mínimo de 0ºC.

Verifique o calendário atualizado de disponibilidade da Trilha Inca

Verifique o calendário de disponibilidade da Trilha Inca permanentemente atualizado. O ’50’ significa que há cinquenta vagas disponíveis. O ‘0’ de que não há mais vagas livres para a Trilha Inca. Escolha o mês e dia da sua preferência e verifique a disponibilidade do percurso que deseja.

 

O tour / preços da Trilha Inca

A excursão de 4 dias pela Trilha Inca atravessa paisagens montanhosas e tropicais até terminar em Machu Picchu após aproximadamente 39 quilômetros de caminhada. Ao longo das estradas incas você pode ver os sítios arqueológicos incas, bem como a abundante flora e fauna do lugar. Conheça o roteiro, o que inclui e o que não inclui o tour da Trilha Inca de 4 dias.

Itinerário

Dia 1: Começa em Cusco e termina no acampamento Huayllabamba após 13 quilômetros de caminhada.

Dia 2: Começa em Huayllabamba e termina no acampamento Pacaymayo após 11 quilômetros de caminhada.

Dia 3: Começa em Pacaymayo e termina em Wiñayhuayna após 15 quilômetros de caminhada.

Dia 4: Começa em Wiñayhuayna e termina em Machu Picchu após 3 quilômetros de caminhada. Naquele dia ele retorna a Cusco.

Inclui

  • Transporte no início da caminhada.
  • Permissão para a rota.
  • Chefs.
  • Porters.
  • Guia de turismo.
  • Equipamento de acampamento.
  • Entrada de Machu Picchu.
  • Retorno em ônibus e trem para Cusco.
  • Kit de primeiros socorros.

Os preços

A excursão Classic Inca Trail de 4 dias tem um custo de 620 dólares.

A excursão curta Trilha Inca de 2 dias tem um custo de $ 500.

Todos os passeios oferecem descontos para estudantes universitários com licença válida.

Os preços variam dependendo da agência de turismo que você escolher para fazer o roteiro.

Rutas del Camino Inca a Machu Picchu Rotas da trilha inca para Machu Picchu

Melhor época para fazer a Trilha Inca

A Trilha Inca para Machu Picchu permanece aberta todos os dias do ano, exceto em fevereiro. Neste mês, o mais chuvoso, o trajeto continua fechado devido a obras de manutenção no local. Para muitos, a melhor época para ir é na estação seca. Para outros, o melhor é a estação das chuvas. Da mesma forma, qualquer dia é uma boa hora para caminhar por essas estradas históricas.

Inca Jungle 4 días

Estação seca

A estação seca em Cusco vai de abril a setembro.

Nestes meses as chuvas não são frequentes o que facilita as caminhadas.

Para muitos, a estação seca é a melhor época para fazer a Trilha Inca até Machu Picchu.

Camino Inca corto 2 días

Estação chuvosa

A estação das chuvas em Cusco vai de novembro a março.

Naqueles meses, chove com mais frequência. Isso pode causar transtornos ao fazer a Trilha Inca.

Para muitos, os meses chuvosos não são ideais para a Trilha Inca. No entanto, ainda são muitos os turistas que fazem este percurso.

Salkantay trek 5 días

Fechando em fevereiro

Fevereiro é o único mês em que a Trilha Inca permanece fechada.

O motivo são as chuvas constantes que podem gerar perigos para as pessoas que fazem o percurso.

Em fevereiro, além disso, são realizadas obras de melhoria do roteiro da Trilha Inca.

Regulamentos da Trilha Inca

A Trilha Inca não é apenas uma rota de caminhada. Suas trilhas são protegidas pelo Estado Peruano que impõe normas para seu correto funcionamento. Por exemplo, apenas pessoas com autorização podem fazer esta caminhada. Além disso, existem acampamentos já estabelecidos com antecedência. Claro, também existem proibições durante a caminhada.

Permissão para o caminho

Nenhuma pessoa que não tenha uma licença pode viajar pelos trechos da Trilha Inca até Machu Picchu.

Os turistas podem adquirir licenças com a compra do passeio Trilha Inca através de uma agência de turismo autorizada.

As licenças também são destinadas a cozinheiros, carregadores e guias turísticos que acompanham o turista durante a caminhada.

Acampamentos

As autoridades da Trilha Inca já possuem três locais onde você acampará nas três noites da Trilha Inca.

Os acampamentos são: Huayllabamba (1ª noite), Pacaymayo (2ª noite) e Wiñayhuayna ou Puyupatamarca (3ª noite).

Nenhum turista pode escolher seu próprio acampamento, pois os locais já são distribuídos com antecedência.

Proibições

  • Armas de fogo.
  • Facas.
  • Implementos de caça.
  • Combustível.
  • Drogas ou bebidas alcoólicas.
  • Drones
  • Postes com ponta de metal (somente postes com ponta de borracha são permitidos).
  • Animais domésticos.

Planeje sua viagem para a Trilha Inca

Para realizar a Trilha Inca, alguns aspectos da viagem devem ser planejados, como o idioma no Peru, o tipo de moeda e as principais festas em Cusco. Esta rota é uma oportunidade para aprender sobre os costumes e tradições do povo de Cusco.

O idioma no peru

O idioma mais falado no Peru é o espanhol. No entanto, existem mais de 46 idiomas no país.

Em Cusco, além do espanhol, o quíchua também é uma língua muito difundida. Essa linguagem era a usada pelos incas.

No entanto, durante a Trilha Inca a língua mais usada é o inglês. Os guias turísticos têm conhecimento de mais de um idioma.

O tipo de moeda no Peru

A moeda oficial no Peru é o ‘sol peruano’ (S /.), Cujo valor é de aproximadamente um terço do dólar americano.

Na viagem a Cusco, além do sol peruano, as empresas aceitam o dólar americano como moeda.

A maioria das agências de turismo que oferecem a Trilha Inca só aceita pagamentos em dólares americanos.

As festividades em Cusco

O Peru possui uma cultura muito rica em dança, música, gastronomia e todos os tipos de manifestações culturais.

Em Cusco, por exemplo, o Festival Inti Raymi (24 de junho), o Qoyllur Rit’i (final ou início de junho) e muito mais são celebrados.

A Trilha Inca é uma oportunidade para aprender sobre as tradições e costumes do povo de Cusco.

Outras caminhadas incríveis para Machu Picchu

A Trilha Inca não é a única rota de caminhada com destino final em Machu Picchu. Existem também outras caminhadas que são tão incríveis. Os mais famosos são o trekking Salkantay, o trekking Inca Jungle e o trekking Lares. Estas e outras rotas são perfeitas caso não haja disponibilidade para fazer a Trilha Inca, o trekking mais famoso do Peru.

Inca Jungle 4 días

Caminhada Salkantay

A caminhada Salkantay é uma rota de caminhada para Machu Picchu que dura 5 dias e cobre um total de 70 quilômetros.

A caminhada Salkantay é uma caminhada exigente. A compra do passeio pode ser feita com alguns dias de antecedência.

O passeio de caminhada Salkantay inclui tudo: transporte, guia, cozinheiros, carregadores, entrada em Machu Picchu, retorno de trem, ônibus e muito mais.

 
Camino Inca corto 2 días

Selva Inca

A Selva Inca é uma rota de aventura de 4 dias para Machu Picchu. Durante o percurso são praticados esportes de aventura como o ciclismo e o trekking.

A Selva Inca é assim chamada porque viaja pela parte da selva de Cusco até chegar a Machu Picchu.

O tour na Selva Inca inclui tudo: transporte, guia, alimentação, hospedagem, entrada em Machu Picchu e muito mais.

 
Salkantay trek 5 días

Caminhada de Lares

A trilha Lares é reconhecida como a rota cultural para Machu Picchu, pois passa por cidades com muitas tradições.

Viaje um total de 32 quilômetros durante 4 dias e 3 noites. Seu nome vem do fato de que começa na cidade de Lares no Vale Sagrado dos Incas.

A caminhada de Lares inclui tudo: transporte de trem, guia, cozinheiros, carregadores, hospedagem, entrada em Machu Picchu e muito mais.

 

Perguntas frequentes sobre a Trilha Inca e outras rotas em Cusco

Você tem perguntas sobre a Trilha Inca e as outras rotas de caminhada em Cusco? Conheça as dez perguntas mais frequentes que os turistas se perguntam antes de fazer essas caminhadas.

  • 1) A Trilha Inca fica aberta o ano todo?

    Sim, a Trilha Inca está aberta o ano todo, exceto em fevereiro, que é o mês mais chuvoso do ano. Nesses dias, são realizados trabalhos de limpeza e acondicionamento do percurso.
  • 2) É imprescindível reservar a Trilha Inca online?

    Sim, a Trilha Inca é um percurso muito procurado pelos turistas. Portanto, é necessário fazer a reserva com antecedência. A única maneira de obter disponibilidade é comprando online.
  • 3) Quanto tempo antes devo fazer a reserva?

    A reserva da Trilha Inca de 4 dias deve ser feita com 6 ou 7 meses de antecedência.
  • 4) O que fazer se não obtiver disponibilidade?

    Se você não tiver disponibilidade para a Trilha Inca de 4 dias, a melhor opção é fazer outra rota de caminhada, como a caminhada Salkantay, a caminhada Lares, a caminhada Huchuy Qosqo, a Selva Inca ou mesmo a curta Trilha Inca de 2 dias.
  • 5) Qual é a melhor rota de caminhada além da Trilha Inca?

    Para a maioria dos turistas e guias turísticos, a caminhada Salkantay é a segunda melhor rota de caminhada em Cusco.
  • 6) Qual é a melhor época para fazer caminhadas em Cusco?

    A estação seca (de maio a setembro) oferece os melhores meses para trilhas de caminhada em Cusco. Nesses dias as chuvas não são frequentes, por isso o clima é ideal para caminhadas.
  • 7) O que esta aventura na Trilha Inca inclui?

    A Trilha Inca clássica de 4 dias inclui: transporte até o ponto de partida da caminhada, equipamento para cozinhar (comida), equipamento para carregadores (carga de bagagem), utensílios de acampamento, entrada para Machu Picchu e todos os locais, bem como retorno em trem e ônibus para Cusco.
  • 8) Posso fazer a Trilha Inca sozinho?

    Não, a clássica Trilha Inca de 4 dias é uma rota protegida pelo Estado peruano, portanto, só pode ser percorrida por pessoas com autorização. As agências de turismo oferecem essas autorizações. As pessoas não podem fazer essa rota sozinhas.
  • 9) Existe limite de idade para fazer a Trilha Inca?

    Não. Embora não haja limite de idade para fazer a Trilha Inca de 4 dias, é melhor ter entre 8 e 65 anos. É bom estar em boas condições físicas e, se for o caso, ter a aprovação do seu médico.
  • 10) O que levar para a Trilha Inca?

    A viagem para a Trilha Inca já inclui o principal para que o turista só se preocupe em trazer itens de uso pessoal: bons sapatos, poncho para caso de chuva, protetor solar, repelente de mosquitos, roupas esportivas confortáveis, água reidratante, itens de higiene pessoal., Algum dinheiro e uma câmera para capturar as belas paisagens.